[ homepage ] [ b ] [ frufru / lit / an / escoria / wired ] [ mod ] [ overboard ] [ regras / faq / banlist / histórico ]

/b/ - Random

E-mail
Assunto
Comentar
Arquivo
Inserir
Opções
Senha (Para excluir arquivos.)
  • Arquivos maiores que 250x200 pixels serão redimensionados.
  • Tipo de arquivo permitido: jpg, jpeg, gif, png, webp, jfif, mp3, webm, mp4.
  • Tamanho máximo por arquivo: 7 MB com a dimensão máxima de10000 x 10000.
  • Você pode fazer upload de 3 images/arquivos por post.
  • Embed válidos são: Youtube - Vimeo - Dailymotion - Soundcloud - Vocaroo.
  • 19 usuárias nesse tópico.

NÃO respondam aos homens. Revisem a Regra 1.

Veja o catálogo antes de fazer um tópico.

Por favor, leiam as regras! Atualização: 21/04/22

  [Catálogo]   [Voltar]   [Arquivo]   [Destaque]

File: 1674174766984.jpg  ( 17.94 KB , 290x360 )   ImgOps /  Google /  Yandex

fa7ee   No.14522

Podemos ter um fio pra discutirmos transtornos mentais e remédios psiquiátricos?

Qual é o seu diagnóstico, anã? Qual sua experiência com remédios pra cabeça? Quais está tomando no momento? Faz terapia?

Eu sou diagnosticada com depressão há bons anos. Já testei vários medicamentos, no momento to com 150mg de sertralina e há duas semanas iniciei 150mg de bupropiona. Sinto que essa bomba da bupropiona tá me descaralhando da cabeça, meu humor flutuando absurdamente e muita irritabilidade.

b2f04   No.14523

File: 1674175512615.png  ( 530.93 KB , 556x552 )   ImgOps /  Google /  Yandex

Tenho TADH de fabrica e ansiedade e depressão, resultados de ter tido o diagnóstico principal tardio. Also, comecei a ter crises de depressão aos 11 anos. Atualmente tomo fluoxetina e tenho consultas de graça com psicólogo na universidade. Infelizmente ritalina está muito fora da minha realidade financeira.

fa7ee   No.14527

>>14523
Eu desconfio que tenho algum grau de TDA, sem a hiperatividade. Pra mim é quase uma tarefa hercúlea terminar as coisas que começo, sou muito procrastinadora, disperso atenção facilmente, etc, mas nunca abordei essa questão com minha psiquiatra.

Also, tenta ver se no seu estado o SUS não disponibiliza gratuitamente o metilfenidato ritalina, aqui onde moro sei que é fornecido.

2a080   No.14530

File: 1674181141533.png  ( 327.23 KB , 564x564 )   ImgOps /  Google /  Yandex

No passado, nunca tive sorte com psiquiatras. Conforme fui trocando, eles mudavam completamente o diagnóstico. Fui de depressão a borderline para esquizofrenia paranoide agora. Tomo ácido valproico e quetiapina, mas já tomei o primeiro em associação com escitalopram e risperidona. Eu fazia terapia, mas parei. Os fármacos me pegaram de jeito, sou uma casca da pessoa que costumava ser. Meu maior arrependimento foi ter começado qualquer tipo de terapia.

f59b4   No.14531

>>14530
Pra que isso? Larga essas drogas.

b2f04   No.14532

>>14527
Anã, já tem estudos que mostram que a pessoa com TDAH pode ter o H mas ele não ser tão presente >externamente<. É importante falar com seu psiquiatra sobre essa sua suspeita, até diria que o ideal é procurar um psicólogo TCC também, ajuda muito.
Existe todo um histórico de dificuldade de diagnóstico de doenças mentais principalemnte tdah em mulheres pela mania que nós desenvolvemos de "não deve ser nada" ou "se fosse o médico teria dito algo" sendo que chocantemente médicos não leem mentes, então se você não falar sobre essas dificuldades ele nunca vai suspeitar.

Sobre o SUS, tentei ir atrás de um posto perto da universidade e descobri que so posso ser atendida no posto perto da minha casa. O problema é que o posto só é perto na teoria e não tem nenhum ônibus que passe por lá. Agora comecei a estagiar então vou tentar ao menos ir de 99 lá para ver essas questões, é sempre uma decepção perceber que não importa o quanto me esforçar tem algo faltando no meu cérebro.
>>14530
Anã, procure um bom professional da psicologia. Remedios são um apoio não a solução, infelizmente muitos psiquiatras não mostram isso pro paciente e ficam enchendo o cu de remedios.

2a080   No.14534

>>14531
Quem me dera, anã, mas sem eles fico com um insônia terrível, não durmo por nada, me deixa maluca.
>>14532
Tinha uma psicóloga muito boa que eu frequentava no início da terapia, mas a consulta era muito cara, estou esperando me organizar financeiramente para poder prosseguir com ela.

A verdade é que não importa muito o que eu faça. sempre sinto que tem algo de errado comigo. Sempre pensei que achar a nomenclatura e diagnósticos corretos ia preencher essa dúvida ardente, mas a verdade é que não dá certo. Isso vai me acompanhar para sempre. Anãs, não aceitem antipsicóticos. Vão engordar seu rosto e deformar seu corpo e te deixarão miseráveis.

fa7ee   No.14537

File: 1674191383320.jpg  ( 179.17 KB , 1241x1228 )   ImgOps /  Google /  Yandex

>>14532
Anotado, anã. Próxima consulta que eu tiver vou falar sobre. <3

>>14534
Secundo a anã anterior que falou sobre terapia com psicóloga. Eu já teria literalmente churrascado se não fosse pela minha terapeuta. Faço análise e acho bom demais, apesar de ser sofrido ficar cavando as toneladas de trauma socadas no fundo da mente.

Tenta ver aí na tua cidade se não tem profissionais que atendem por valor social, ou em universidade também oferecem atendimento gratuito. As vezes até mesmo essa psicóloga que tu mencionou toparia fazer um valor mais em conta, dada a tua situação financeira.

E sobre essa percepção de sermos irremediavelmente quebradas, eu me identifico muito. Também não sei nomear esse sentimento de inadequação, de sentir que sempre nado igual uma desgraçada pra acabar morrendo na praia. É uma luta constante, na terapia e no dia a dia, de não me deixar entrar na espiral de merda que passa o tempo todo na minha cabeça, de tentar lembrar que apesar de tudo consegui sobreviver até aqui. Acho que é tanto um alívio quanto uma maldição perceber que eu sou a minha pior e única carrasca.

fe883   No.14538

Esses psialgumacoisa são a maior pescaria, absolutamente todo comportamento humano é enquadrado em algum tipo de doença ou transtorno que precisa de tratamento com remédios ou horas sem fim de terapia a custos estratosféricos.

Fui uma vez em uma e jurei nunca mais voltar, só tive vontade de esganar a "especialista".

cf36d   No.14539

Frequentei psicólogo desde os 13 anos, acho que ja passei por todo o DSM 5 ate ter o diagnóstico correto de TETP complexo. Minha psicóloga atual é uma ótima profissional e foi a única que conseguiu fazer algo bom na minha cabeça, atualmente não tomo nenhum remédio, apesar de achar que faria bem pra insônia e os pesadelos. Prefiro ficar longe dos fármacos pois me vício fácil e além do vício em nicotina não preciso de vício em opióide também.
No geral foi uma merda passar pela parte mais pesada do tratamento, agora que já processei boa parte dos traumas me sinto melhor, ainda sou full batata mas pelo menos não quero estourar minha cabeça a cada incômodo que a vida apresenta.

cc678   No.14543

File: 1674229677229.jpeg  ( 49.51 KB , 600x492 )   ImgOps /  Google /  Yandex

Escutem bem o que eu vou dizer a seguir: TDAH NÃO EXISTE, DISLEXIA NÃO EXISTE, BORDERLINE NÃO EXISTE. PAREM DE SER BURRAS COM SÍNDROME DE FLOQUINHO DE NEVE, DESGRAÇA DO CARALHO.

86807   No.14544

>>14543
>>14543
>Eu, Anã da Silva, sei mais do que todos os profissionais e pesquisadores da área de saúde mental, que dedicaram anos de suas vidas pesquisando e tratando essas pessoas. Como sei que estou certa? Li na internet uma vez que um cara falou que tudo isso era mentira e acredito nele.

Sempre perco pra tamanha arrogância e ignorância da pessoa, incrível.

282e4   No.14546

File: 1674235842820-0.jpg  ( 164.58 KB , 506x595 )   ImgOps /  Google /  Yandex

File: 1674235842820-1.jpg  ( 387.75 KB , 1461x1054 )   ImgOps /  Google /  Yandex

>>14543
BASEADA DO CARALHO, BASEADA DEMAIS, EU FECHO COM A ANÃ LÚCIDA
SE ENCHAM DE REMÉDIO E FIQUEM FUCKIN LETÁRGICAS ENQUANTO ENJOAMOS DE UMA BOA SAÚDE MENTAL APENAS TENDO CONSCIÊNCIA DE QUE ESSES "NOVOS TRANSTORNOS" SÃO TUDO MANIPULAÇÃO JUDAICA PRA PRENDER GENTE BURRA NUMA ESPÉCIE DE HIPNOSE E LIMITAÇÃO, FODENÃO ERA DA SÍNDROME DE MUNCHAUSEN

fa7ee   No.14547

File: 1674242742048.jpg  ( 260.7 KB , 1080x918 )   ImgOps /  Google /  Yandex

>>14543
>>14546

E a cloroquina anãs, ja tomaram?

282e4   No.14548

File: 1674243023437.gif  ( 1.61 MB , 400x321 )   ImgOps /  Google /  Yandex

>>14547
Ok gatinha, vai lá seguir a risca o DSM-5, ademais, não se esqueçam que quem toma remédio é você, não eu.

282e4   No.14549

>>14548
>esqueça
Fixado.

cc678   No.14551

File: 1674243184327.gif  ( 112.07 KB , 220x293 )   ImgOps /  Google /  Yandex

>>14544
Eu posso ser uma qualquer mas tenho pelo menos um pouquinho de ideia do que estou falando porque sou estudante de Psicologia e estou desenvolvendo meu TCC voltado justamente para a medicalização da vida, ou seja, o uso desnecessário de medicamentos para tentar suprimir algo que é natural do ser humano. Uma das coisas que eu mais desconstruí durante esses anos de curso foi a ideia de transtornos mentais e do normal e patológico, uma vez que os diagnósticos estão cada vez mais banalizados e abrangentes pois qualquer coisa que você sente se encaixa em algum transtorno aleatório nº 93248932875 descrito no DSM 5.

Isso significa que estamos todos doentes e essa é a era da depressão, ansiedade e TDAH? Não, porra. Isso significa que estamos desaprendendo a lidar com emoções humanas, estamos sendo pressionados o tempo todo a agir com perfeição, a atingir uma alta performance. Temos que ser felizes o tempo inteiro, e quando nos deparamos com sentimentos "ruins" entramos em parafusos e achamos que tem algo errado, e esses sentimentos não são processados porque logos são abafados com algum remédio estúpido que te transforma em um robô zumbi. Ser humano é só ser feliz o tempo inteiro? Desde quando? Somos falhos, erramos, sentimos tristeza, raiva, rancor, luto, solidão, e isso nos constrói, isso é natural.

Uau, você tem dificuldade em prestar atenção na ERA DA INFORMAÇÃO, que surpresa. Tem coisa pra caralho acontecendo a todo instante, somos bombardeados por informações rápidas, vídeos curtos, caracteres limitados, explosão de dopamina todoonde. O que você acha que vai acontecer quando sentar a porra da bunda na cadeira e abrir um livro pra estudar? Fácil é que não vai ser.

Indico O Lado Escuro da Dislexia e do TDAH, da Moysés, e Psiquiatria e a Gestão Tecnológica do Bem-Estar, do Benilton Bezerra, se quiser ler um pouco mais sobre isso.

>>14546
Altamente baseada, secundo tudo. A indústria farmacêutica é uma máfia do caralho, eles criam a doença e logo em seguida chegam com a "cura", santos do pau oco do cacete.

32e10   No.14552

>>14551
Banalização não indica que não exista transtorno mental, já trabalhei em hospital psiquiátrico e de primeira quando você lidar com um esquizofrênico em surto ou um bipolar em estado maníaco, aí você vai ver que doença mental não é arbitrário, elas existem, pode se argumentar sobre a banalização de certos transtornos, como ansiedade, parece que hoje todo mundo tem ansiedade, mas não se pode negar que elas existam, já lidou com uma pessoa realmente borderline? Eu já, esse transtorno é real e totalmente diferente destrutivo. Enfim, se a anã acha que doença mental é mentira ou que remédio é conspiração do judeu, aconselho fortemente a passar alguns anos trabalhando em hospital psiquiátrico, rapidinho vai mudar de ideia quando ver que o esquizofrênico fica normal quando toma um bom antipsicotico.

cc678   No.14553

File: 1674245825276.jpg  ( 440.13 KB , 1711x2048 )   ImgOps /  Google /  Yandex

>>14552
Eu não falei nada a respeito da esquizofrenia, não neguei sua existência em momento algum. Me referi especificamente a esses transtornos mentais modernos, concordo que banalização não implica em não existência, estou ciente de muitos transtornos sérios que exigem atenção e também já lidei com pessoas que os possuem. Estou ciente também que antipsicóticos são uma das poucas maneiras que esquizofrênicos têm de amenizar seus sintomas, aliado a sessões de terapia.

No entanto, isso não exclui o fato da indústria farmacêutica manipular a noção de bem-estar e lucrar como a foda em cima da venda de remédios para adolescentes floquinhos de neve com o combo DSM 5 inteiro, entre muitas outras situações na qual a medicalização ocorre. Então, de um lado tem o capitalismo te pressionando a ser sempre feliz, perfeita e produtiva, gerando culpa e certo constrangimento ao sentir o contrário, juntamente com psiquiatras, psicólogos e a indústria farmacêutica dizendo que se sentir triste é errado e empurrando os remedinhos pra cabecinha, assim você pode se livrar de tudo o que te atrapalha e, finalmente, ser "normal", isto é, mais uma peça funcionando corretamente na engrenagem!

30e7b   No.14554

>>14553
O DSM 5 e o ICD 10 estão sempre em revisão, não são perfeito, ciência medica nenhuma é, e isso é bom, porque sem revisão a gente teria diagnóstico como "neurose" quando mulher fica em TPM. Sim, pode-se dizer que existe uma banalização de certo transtornos, porque o diagnóstico é mais vago e amplo. sim, existe corrupção na indústria farmacêutica, só vê o caso do vazamento de documentos da Elly Lilly que sabia que olanzapina engordava muito, mas não publicaram pro público, mesmo vazou mesmo assim e existe uma forma de controle e balanços na indústria e comunidade psiquiatra, esse consensos.

Não concordo com "capitalismo é mal", prefiro muito mais viver numa democracia liberal do que uma país totalitario comunistas opressor,fora que sobre países comunistas o tratamento da saúde mental era terrível, e era usado abertamente pra perseguir desafetos e trancar em hospício. Goste ou não, capitalismo não é perfeito, mas é de longe o sistema mais proporciona prosperidade pra muitos países, aliado com uma boa política social e de bem estar, como na escandinava, é por enquanto, o melhor sistema político que tem no quesito bem estar humano.

Pressão social sempre vai existir, seja no capitalismo ou socialismo, se você viesse na antiga união soviética provavelmente sofreria pressão pra ser um "mulher soviética exemplar", para de achar que capitalismo é o demônio de tudo, o verdadeiro problema é a própria natureza humana

282e4   No.14556

>>14551 >>14553
Se eu não fosse casada e hétero, te daria um beijão agora mesmo.

>>14552 >>14554
Pra alguém que trabalhou em hospital psiquiátrico você tem uma inteligência bem mediana pra não saber interpretar direito um texto ou escrever uma retórica seguindo uma única linha de coerência ou bom português, cruz credo.
E lá existe banalização de esquizofrenia e bipolaridade? São transtornos que ninguém quer ter não, queridinha. O negócio é TDI, TDAH, BPD e DIGO MAIS: psiquiatras andam dando diagnóstico de borderline igual água, é a histeria feminina do século 21, Freud tá comemorando no túmulo. Existe uma linha RIDICULAMENTE tênue entre sofrimento psíquico situacional x sofrimento psíquico patológico, a culpa de existir tantos misdiagnoses a respeito é literalmente a falta de interesse de entender humanos como um todo e visar $$.
>porque sem revisão a gente teria diagnóstico como "neurose" quando mulher fica em TPM.
Você é burra ou se faz? Puta merda hein.
Nem vou comentar o resto da baboseira que você cuspiu sobre capitalismo e afins pois a discussão aqui nunca foi política e é só um cope seu de tirar o enfoque principal dessa discussão por ser uma anta do caralho.
Take your meds, um report pelo semi-analfabetismo e passar bem.

30e7b   No.14557

>>14556
>>14556
O que você está implicando? Que é um problema sistêmico dos que cuidam da saúde mental? Ou é apenas um ou outro psiquiatra e psicólogo despreparado que dá diagnóstico merda? É um ou outro. Acredito que você esteja exagerando achando que todo psicólogo e psiquiatra sai por aí dando diagnóstico errado, se você realmentejá viu um psiquiatra e psicólogo em ação, e já vi alguns, eles são extremamente cuidadoso e cauteloso em dar qualquer diagnóstico, acho que você tá projetando de alguns psiquiatra e psicólogo ruins e fala como se fossem todos, o que acredito não ser verdade nenhuma.

30e7b   No.14558

>>14556
Also, você realmente não deve ter prática nenhuma em área clínica, vai falar merda, pare de achar que meia dúzia de psiquiatra e psicólogo fazendo mal diagnóstico e forçando remédio é evidência de algo sistêmico, não é, como eu disse de todos os psiquiatras e psicólogos que conheço, todos eles são extremamente relutante em dá diagnóstico e força remédio, todos, você tá bitola e enviesada pra caralho, e vive no seu mundinho acadêmico e de seminário achando que o mundo é aquilo foi dito em palestra, vai viver um pouco da realidade da área de saúde mental, garota.

6167f   No.14559

Daqui a pouco aparece alguém citando Thomas Szasz, alguém que NUNCA teve experiência clínica, e só foi professor se psiquiatra, incrível.

>esse comportamento anti científico e obscurantista contra remédios psiquiátrico porque fere a visão de mundo das anãs


Surreal, incrível, a pessoa tem sua visão política que vai respingando em tudo em sua volta, acha tudo no mundo pode ser explicado através do visão conspiracionista distorcida, tudo é conspiração e máfia, nada faz sentido sem ser na óptica da conspiração, tudo que não concordo é ruim, foda-se as evidências. Comportamento de verdadeiro schizos.

30e7b   No.14560

>>14543
>>14546
>>14548

Você são iguais os anões, literalmente não sabe porra nenhuma de como funciona a indústria farmacêutica, ou como funciona a classificação de um transtorno mental, o tempo e burocracia da criação de uma remédio psiquiátrico, a quantidade de comitês e grupos de pesquisa levanto para aprovar ou não mudança da classificação de transtorno mental e se o tratamento é válido, a luta nos jornais científicos. Mas não, tudo isso é falso, não existe nada disso, tudo culpa do "judeu", é claro, tudo é uma mega corrupção e máfia, porquê? Simplesmente porque a mente a pessoa não consegue lidar com a complexidade da mundo e seus sistemas, é que nem um índio primitivo, não entende como funciona o processo de formação de chuva então ele fala é culpa de um "deus", não que entender ou não tem capacidade cognitiva pra enteder, mas fácil falar que é "máfia" ou "judeu".

fa7ee   No.14561

File: 1674254244053.jpg  ( 56.35 KB , 418x531 )   ImgOps /  Google /  Yandex

>>14558
>>14559

Secundadas.

Transtornos mentais são algo real e muito difícil de lidar. Rola uma estigmatização fudida irl e geralmente quem é transtornada acaba se isolando. Criei o fio na esperança de poder trocar relatos e experiências com as demais transtornadas do recinto de forma segura e acolhedora, aí vem essas macacas usando chapéu de alumínio falar merda sobre algo que escapa à capacidade de compreeensão das mesmas. É cada uma viu…

6e8ae   No.14562

File: 1674254398426.jpeg  ( 30.2 KB , 484x634 )   ImgOps /  Google /  Yandex

>>14552
>>14554
>>14557
>>14558
>>14559
É o seguinte, ou vocês arrumam esse dialeto porco ou vai ter distribuição de ban até o próximo Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM).

a4643   No.14563

File: 1674256970647.png  ( 281.82 KB , 430x713 )   ImgOps /  Google /  Yandex

>>14552
>>14554
>>14558
>>14559
>>14560
Santo D'us, eu espero que todos estes posts originem da mesma anã para que toda esta estupidez fique concentrada em uma pessoa só. Eu nem sei por onde começar – aliás –, eu nem sei se eu devo me dar o esforço e o desprazer de alugar estes poucos minutos de tempo que estou dispondo para dialogar com uma primata da ralé mais baixa da sociedade que desconhece até o mecanismo simples de concordância verbal e nominal que existe no nosso idioma. Já que a mocinha carro-chefe de institutos psiquiátricos que esbanja de mais conhecimento empírico que um plague doctor durante a idade média gosta de desviar a trajetória da pauta de discussão, permita-me tecer um leve comentário sobre os delírios políticos que você digitou como réplica ao comentário da nossa colega: você é BURRA. Anã do céu, eu lhe digo isso da maneira mais honesta e amistosa do mundo: você simplesmente é burra. Eu estou avisando isso para que você se toque e pare de passar vexame aqui; glória ao Senhor que este ib é anônimo ou você teria de passar o resto da vida com uma identidade atrelada a essas postagens medonhas de tão ruins.

Passar bem, vou fazer meu cafézinho.

30e7b   No.14564

>>14561
>>14561
Pois é, anã, já passei por um monte de psiquiatra e psicólogo, e todos eles eram extremamente relutantes em dá algum diagnóstico completo de primeira, e evitavam o máximo em passar remédio, sempre falavam que remédios eram "para casos clínicos sérios", foram isso, eles sempre falavam que era difícil diagnosticar alguém de primeira, e que se leva tempo e muita consultas até que se consiga chegar em algum diagnóstico efetivo. Aí aparece essas anã falando que remédio é mentira, que é invenção do judeu, que médico fico forçando remédio pra você, ou te dá diagnóstico na primeira vez, sem mais e menos, ou que a pessoa é passiva no processo todo, e que nunca fala nada, não discute com o médico, só aceita tudo. Enfim, claramente as anãs aí de cima não tem experiência nenhuma de nada, só leram alguns livros ou viram alguma palestra com críticas sobre área, e acham que isso é verdade absoluta, pior ainda é as schizos que literalmente negam a existência da eficiência dos remédios ou da existência das próprias doenças. Me lembrou do pessoal de psicologia da faculdade, que era da luta "luta antimanicomial", tirando as críticas sobre condições e forma de tratamento, que são válidas, tinham algumas malucas da psicologia que falavam que hospital psiquiátrico tinha que acabar, que isso era complô do capitalismo, doença mental era apenas reflexo do mal tratamento pela sociedade ou resultado da desigualdade social (mas ignoravam a existência dos mesmos transtornos mentais em gente com dinheiro e de "elite"), remédio não funciona, é complô do capitalismo pra vender mais. Sempre a mesma ladainha, anos se passaram e essa gente continua presa nisso, não se atualizam, não consegue lidar com evidências contrárias à visão de mundo delas, literais schizos, kek.(A USUÁRIA FOI CONVIDADA A SE RETIRAR DA COZINHA.)
Motivo: Até o próximo ENEM.
Duração: 41 semanas

2a080   No.14565

File: 1674259163636.gif  ( 554.19 KB , 499x280 )   ImgOps /  Google /  Yandex

Aproveitando a deixa, o que as anãs pensam sobre autismo? Tenho visto muita gente cuspindo autodiagnóstico de Asperger e afins por aí. Afinal, qual o tesão que essa gente tem em tornar isso a personalidade delas? Até o pessoal com mais de 20 anos tá nessa…

6167f   No.14566

>>14565
Síndrome de floquinho de neve, a pessoa que se sentir especial, ter algo que explique e justifique seu comportamento.

3cb27   No.14570

>>14562
Que dialeto? Não vi nada nas mensagens quotadas.

b2f04   No.14571

>>14565
Realmente vejo muita gente usando autismo como desculpa para "ser estranho" sendo que a pessoa só não quer fazer o mínimo de esforço para viver em sociedade. São casos e casos, mas acho triste que esse tipo de idiotice faz com que as pessoas não levem a sério um diagnóstico real, prejudicando quem realmente precisa de apoio especial.
Also, minha psicóloga por um tempo conversou sobre talvez eu ser autista e no fim feijoada, só sou estranha mesmo. Tive a confirmação disso vendo um video de uma autista randon falando sobre como ela se sentia mal quando urinava na roupa sem querer porque não percebia a vontade de fazer xixi e só se dava conta quando era tarde demais. Me fez pensar como a suavização de sintomas pode causar essa onda de auto diagnóstico sequela, eu demoro para fazer xixi mas nunca molhei as calças depois de adulta kek.

fa7ee   No.14572

File: 1674271337410.png  ( 734.3 KB , 840x675 )   ImgOps /  Google /  Yandex

>>14564
Kek, esse ban até o ENEM kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Moderadora, a senhora não liga pro setembro amarelo? Se essa anã churrascar sem poder contar com nosso apoio saiba que o sangue estará em suas mãos.

32e10   No.14574

>>14564
Baseada anã macaca, meteu a real nas schizos. Também nunca vi nenhum psiquiatra ou psicólogo,os quais já fui pelo menos, ficar forçando diagnóstico ou forçando remédio pra mim, pelo contrário, eles evitam ao máximo querer passar remédio, ou fechar diagnóstico cedo demais. As anã ficam consumindo visão deturpada dos outros e acha que é realidade. Leram livros ou viram algum documentário criticando a psiquiatra e acham que os autores não tem nenhum interesse ou não são enviesados em nada, são pessoas sem agenda nenhuma.

cc678   No.14576

File: 1674279026846.jpg  ( 30.71 KB , 403x403 )   ImgOps /  Google /  Yandex

>>14554
A respeito do capitalismo, eu apenas teci uma crítica, não falei nadinha em relação ao comunismo e nem disse que é com isso que eu concordo. Como você disse, o capitalismo não é perfeito e eu apenas expus uma das imperfeições, não é só porque eu discordo de como certas coisas funcionam no nosso sistema econômico atual que eu prefira outro, também acredito que é o menos pior que temos atualmente, mas é inegável tamanha desgraça que ele nos proporciona e não é só porque "muh natureza humana".

>>14556
>psiquiatras andam dando diagnóstico de borderline igual água, é a histeria feminina do século 21
Te amo, anã! Não poderia concordar mais, puta que pariu. Mulheres, principalmente as mais reprimidas, sendo tachadas de malucas desde sempre, só muda o nome da desgraça.

>>14557
>>14558
>>14574
Em que mundo vocês vivem aonde os psiquiatras dão uma foda para alguma coisa? Seriosamente? Psicólogo eu até entendo, são mais cautelosos e evitam diagnósticos, mas psiquiatras costumam receitar remédios a rodo, experiência própria e de muitos relatos que já ouvi, inclusive tem um aqui mesmo no fio >>14530. Mas com certeza a indústria farmacêutica é altruísta e só quer o nosso bem, nós somos loucas conspiracionistas por achar que empresas capitalistas têm segundas intenções e priorizam o lucro.

>Leram livros ou viram algum documentário criticando a psiquiatra e acham que os autores não tem nenhum interesse ou não são enviesados em nada, são pessoas sem agenda nenhuma

Agora ler livros, assistir palestras e ver documentários não tem mais peso algum? Não entendi o seu ponto, qual a "agenda" desses que criticam a psiquiatria?

c46b2   No.14578

>>14543
Chegou a burra.

257c4   No.14579

File: 1674297720893.jpg  ( 128.45 KB , 825x1280 )   ImgOps /  Google /  Yandex

>>14570
O pior cego é aquele que se recusa a enxergar.
A guria escrevendo igual o assassino jorge da gamer lá e você me tem a pachorra de dizer que não viu nada demais nas mensagens? Só não te dou um ban junto dela por ser 7 da manhã.

>>14572
>a senhora não liga pro setembro amarelo?
###
>se essa anã churrascar sem poder contar com nosso apoio saiba que o sangue estará em suas mãos.
Nada, acredito que ela não seja frágil assim, precisa de um Aurélio, não de uma corda.

cc678   No.14583

File: 1674312774113.png  ( 107.55 KB , 316x490 )   ImgOps /  Google /  Yandex

>>14578
Não precisava anunciar que você chegou, anãzinha, mas fique à vontade!

84e4e   No.14601

Já tomei olanzapina, 5mg, me ajudo a equilibrar meu humor, mas me deixou bem gorda, então parei.

9c04b   No.14607

Anãzinha, sou diagnosticada com depressão grave e ansiedade. Atualmente estou tomando venlaxafina, alprazolam, lítio e quetiapina, ambos aumentaram a dose após minha tentativa de suicídio. Minhas experiências anteriores foram horríveis, não conseguia dormir tomando apenas antidepressivos e quando uma outra médica me receitou apenas um estabilizador de humor, minha depressão piorou bastante.



[Catálogo] [Voltar] [Enviar uma resposta]

Deletar Post [Arquivo] Arquivo
[ homepage ] [ b ] [ frufru / lit / an / escoria / wired ] [ mod ] [ overboard ] [ regras / faq / banlist / histórico ]