[ homepage ] [ b ] [ frufru / lit / an / escoria / wired ] [ mod ] [ overboard ] [ regras / faq / banlist / histórico ]

/escoria/ - Escória

A board pra chorar no ombro das anãs e desabafar seus problemas.
[]
E-mail
Assunto
Comentar
Verificação
Arquivo
Inserir
Opções
Senha (Para excluir arquivos.)
  • Arquivos maiores que 250x250 pixels serão redimensionados.
  • Tipo de arquivo permitido: jpg, jpeg, gif, png, webp, jfif, mp3, webm, mp4.
  • Tamanho máximo por arquivo: 7 MB com a dimensão máxima de10000 x 10000.
  • Você pode fazer upload de 3 images/arquivos por post.
  • Embed válidos são: Youtube - Vimeo - Dailymotion - Soundcloud - Vocaroo.

NÃO respondam aos homens. Revisem a Regra 1.

Veja o catálogo antes de fazer um tópico.

Por favor, leiam as regras! Atualização: 21/04/22

  [Catálogo]   [Recarregar]   [Arquivo]   [Destaque]

File: 1695237211450.png  ( 317.85 KB , 723x392 )   ImgOps /  Google /  Yandex

33ea8   No.4774[Responder]

Concentrem suas betagens, chororô por homem e afins nesse fio.

Os demais fios sobre homem no /escória/ passarão a ser deletados.
64 mensagens e  23 respostas com imagem omitidas. Clique em responder para visualizar.

2b188   No.5342

File: 1708761397485.png  ( 28.13 KB , 200x175 )   ImgOps /  Google /  Yandex

Finalmente, depois de anos sem trepar, um rapaz me fez despertar meu interesse sexual.
O melhor de tudo é que estou 100% no controle da situação.
Inclusive estou estupefata com o nível dos caras que se interessam e já se interessaram por mim, a maioria deles são 8/10 pra cima, mesmo eu sendo (ou apenas me considerando) uma 6~7/10.

Deixe-me saber sobre vocês; como vai a sua vida afetiva?



File: 1630264456239.jpg  ( 72.38 KB , 455x343 )   ImgOps /  Google /  Yandex

85b93   No.83[Responder]

Sejam bem-vindas ao /escória/.. ;_;

A /escória/ é uma board destinada ao chororô.

Regras:

1) Assuntos relacionados a desabafos pessoais, sentimentos, problemas de socialização ou comportamentais e autoajuda são bem vindos aqui.
2) Mantenham o respeito dentro da board, não diminuam o problema das outras e não sejam grossas, lembre-se: todas nós podemos ter um dia ruim.
3) Lembre-se que não está no /b/.


File: 1706452205309.jpg  ( 1.27 MB , 2048x2048 )   ImgOps /  Google /  Yandex

b85da   No.5248[Responder]

Gente, eu estou a um bom tempo obcecada por um menino que posta artes na internet, e quando ele postou face reveal no facebook, eu enlouqueci de ciúmes mesmo não falando com ele. vocês sabem como lidar com isso? eu queria muito falar com esse desgraçado mas não tenho coragem

Arte desse desgraçado abaixo:
1 mensagem omitidas. Clique em responder para visualizar.

a2361   No.5253

Você é maior de idade?

b85da   No.5254

>>5253
sim sou maior de idade mas sou muito insegura…

6a745   No.5282

>>5248

Aconteceu algo parecido comigo, conheci uma artista em 2019 e fiquei completamente apaixonada por ela. Stalkeei pra caramba e tenho até uma ideia aproximada da onde ela mora, mesmo sabendo que eu nunca teria uma chance com ela (gringa). Eu nunca havia sentido algo parecido por alguém em toda minha vida. Ela eventualmente fez um face reveal e depois até postou umas fotos sensuais, então começou a namorar.

Minha sugestão? Esqueça qualquer tipo de relacionamento, mas, caso consiga, tente se aproximar para uma possível amizade.

921c4   No.5322

Ele disse que vai sumir por tempo indeterminado e eu estou morrendo de medo de nunca mais ver algo dele

d969c   No.5343

Anã, porque não chama ele logo?



File: 1707373135824.jpeg  ( 31.93 KB , 500x500 )   ImgOps /  Google /  Yandex

e995b   No.5277[Responder]

Queria trocar ideia sobre esse período humilhante presente na vida das mulheres. Anãs, compartilhem vossas vivências com isso.

Quando chegam no período fértil ou da ovulação em si, também sentem um "fogo" descomunal? Estou, nesse momento, sendo torturada pelas vontades. Tenho meu morango, mas ele dorme cedo por conta do trabalho, infelizmente não podemos nos ver durante a semana. O ato acaba ficando pros "fim de", mas não é sempre que o período cai nesses dias, então eu sofro sozinha.

Deixarei algumas perguntas pra compensar o texto de chororô por pica.

>conhecem alguma forma de sumir com essa sensação? Remédios, idk.


>já se humilharam durante o período fértil?


>uso de medicações afeta diretamente?
11 mensagens e  4 respostas com imagem omitidas. Clique em responder para visualizar.

4e5ec   No.5310

>conhecem alguma forma de sumir com essa sensação? Remédios, idk.
Nem o anticoncepcional me parou, mas nem uso mais.

>já se humilharam durante o período fértil?

Já. Diversas vezes chorei de tesão.

>uso de medicações afeta diretamente?

Usei AC durante seis meses e não mudou praticamente nada na minha libido.

Até os meus 16 anos e meio era muito raro eu sentir vontade de fazer alguma coisa, tanto é que só perdi a virgindade aos 18, quando já estava namorando. Desde então sinto vontade frequentemente e o período fértil é uma tortura se estou longe do meu morango.

82be1   No.5328

A recomendação da >>5278 de usar um dildo bem gostoso ou vibrador é boa, costuma dar conta.
Mesmo que com o morango seja melhor, resolve e você se acostuma. Chega um nível em que você aprende a entrar no clima rapidinho e se quiser pode chegar lá em minutos.
Vibrador também é legal, o estímulo direto no clitóris é algo diferente em relação a se penetrar. Tem uns que fazem os dois, mas ainda não testei, deve ser bom.

96346   No.5332

Alguma anã tem esse? Dizem que comparado com dildo, desse sai os melhores orgasmos. Tem uns que tem até função para o namorado te masturbar pelo smartphone.

96346   No.5333

File: 1708483390066.png  ( 223.36 KB , 500x499 )   ImgOps /  Google /  Yandex

O embed tirou a imagem.

1cfc4   No.5341

Anã, não tente represar essa vontade pois só vai piorar. Se masturbe e elimine o desejo, apenas isso. Minha dica é a masturbação clitoriana, que é basicamente deitar em cima de um travesseiro, pressionar e fazer movimentos kek.



File: 1708478468475.jpeg  ( 82.78 KB , 1200x1200 )   ImgOps /  Google /  Yandex

  No.5329[Responder]

Por que quando virei adolescente eu destruí minha vida? Eu era uma criança normal, mas aí fiz 13 anos e tudo desabou, comecei a me dopar, usar drogas e sair com caras mais velhos. Isso me perturba muito nos dias de hoje, todos os traumas que eu aderi para mim me deixam louca, a adolescência de vocês também foi/é assim?

  No.5330

E eu achando que tava na merda por ter adquirido vício em pornô, ter virado otaku attwhore e me manter uma cabaça até a maioridade (quase um suíno de calcinha).
Felizmente me ajeitei em algumas coisas, mas os erros da adolescência pesam até hoje. Não tem como, o evento canônico da mulher é fazer porcaria na adolescência; algumas viram esquisitas, algumas viram vadias, outras engravidam.

O importante é reconhecer os erros e tentar se tornar uma adulta decente. Eu tô tentando.

  No.5334

Aprontei bastante, nada horrível, no geral a maior parte das coisas que fiz foi por ter muita dificuldade em me sentir alocada.
Drogas me resguardei bem até os meus 18, só então tive um desvio de caráter e me envolvi com coisas pesadas tipo crack e rebite, inclusive morei na crackolândia nesse período.

Tirando isso, dei muita sorte em não ter pego nenhuma IST ou ter engravidado.

  No.5338

Foi.
Só me arrependo de não ter focado direito nos estudos e de ter abandonado a academia pra chapar.

  No.5339

Só fui esquisita para infernos. Passei literalmente toda a minha pré-adolescência e adolescência trancada no meu quarto vendo uma quantidade patética de animes enquanto comia chocolate e passava horas lendo fios de suínos ou assistindo pornografia.
Tive um namoradinho irl aos quinze anos, mas foi difícil até criar coragem para beija-lo. Não deu em nada.

  No.5340

File: 1708729716993.jpg  ( 164.65 KB , 1184x603 )   ImgOps /  Google /  Yandex

Me identifiquei bastante, opéia. Dos 13 aos 15 destruí minha vida também, mas é tudo recuperável, e você vai perceber futuramente. Acho que posso te ajudar.

O que eu fiz foi namorar seriamente com um garoto de 18 anos enquanto eu tinha 13. Fiz minha família aceitar, dormíamos juntos, meu pai obviamente parou de falar comigo e ficamos sem contato por cerca de 1 ano e meio. Depois que terminei o relacionamento, aos 14, passei a usar drogas, ir mal na escola, sair todos os dias, beber, me envolver com más pessoas, tratar mal minha família, passar dias fora de casa, me relacionar com homens mais velhos assim como você, basicamente virei rebelde sem causa.

Aos 15, eu tive uma epifania e mudei de vida completamente, senti uma vontade indescritível dentro de mim de dar orgulho aos meus pais, era simplesmente tudo o que eu queria fazer. Parei de falar com todos os meus amigos, não saí mais de casa, parei de ter relações, parei de beber e usar drogas, comecei frequentar a igreja e minha vida se resumia em estudar.

Nesse período, eu sentia uma vergonha, repulsa e profundo arrependimento por tudo o que eu tinha vivido aos 13. Se eu ouvia alguma música que ouvira naquela fase, tinha uma crise de pânico imediatamente. Eu me odiava, odiava meu passado profundamente. Isso me trouxe diversos problemas psicológicos. Ao mesmo tempo em que eu tinha aquele desejo de dar orgulho aos meus pais, eu não tinha a menor vontade de continuar viva. Felizmente o primeiro sentimento foi maior.

Fiz terapia com psicólogo, fui ao psiquiatra e fui melhorando aos poucos. Entendi que todo mundo faz merda quando é novo, e eu não podia continuar me julgando com o olhar de hoje, sendo que as minhas escolhas não foram com as experiências de hoje. Quando você é adolescente, você quer provar pra todo mundo que você é mais adulto do que os adolescentes comuns, e acaba fazendo más escolhas nessa tentativa. Mas só quando você vira adulto, entende que isso não leva a nada e, sobretudo, você não é o seu passado, você é o que você é hoje. Apenas isso.

Aos 23, já não me arrependo do que fiz, todas aquelas experiências fazem parte da minha formação. Eu precisei ter a fase rebelde e a fase depressiva. Aprendi muito sobre mim, sobre a vida, sobre escolhas e aceitação.

Hoje posso garantir que dou orgulho aos meus pais e ao mesmo tempo aproveito a vida. Durante a semana eu trabalho, estudo e passo bastante tempo com a minha família. Aos finais de semana, sMensagem muito longa. Clique aqui para ver o texto completo.



File: 1708494263165.jpeg  ( 47.12 KB , 353x500 )   ImgOps /  Google /  Yandex

443df   No.5335[Responder]

Olá anãs, tenho 21 anos sou lesbica e não consigo me relacionar amorosamente com nenhuma mulher, só consegui ficar conversando por um tempo e meio que ter um "webnamoro", mas nunca consegui ter isso presencialmente, no começo do ano até decidi tomar coragem e chamei no insta uma menina que estudava comigo, porém ela disse que sairia comigo mas sem a intenção de ser algo a mais e que no momento ela não está pensando nisso. Queria poder ter pelo um flerte com alguma garota e sair em um encontro como todo mundo faz, mas isso simplesmente não acontece e pra piorar só homens dão em cima de mim e demonstram algum interesse, estou pensando até em voltar pra época que eu não performava tanta feminilidade para ver se assim pelo menos consigo atrair alguns olhares femininos, é muito difícil ter que tomar atitude sempre e acabar quebrando a cara ou então a menina não querer nada além de amizade, desse jeito vou acabar desistindo e reprimindo meus desejos ficando no celibato pra sempre.

Obs: desculpem se fiz alguma coisa errada é a primeira vez que posto em um Chan e não sei como funciona ainda.

5054e   No.5336

File: 1708520296393.jpg  ( 77.94 KB , 1080x433 )   ImgOps /  Google /  Yandex

É foda, anã. Sou bi e afirmo que flertar com mulher é um inferno de difícil. Todas as vezes que eu tentei resultaram em frustração, o máximo que eu conseguia era alguma interação com taradas em busca de websexo.

Te diria pra tentar um Tinder ou algum app de namoro sáfico, mas não sei se garante algum sucesso na empreitada.
Se você mora perto de algum centro de cidade, procura algum point LGBT ou algo assim.

443df   No.5337

Então anã, eu já tentei o Tinder e um app safico mas não tive sucesso nenhum, as garotas simplesmente depois de um tempo param de responder, não sei se o meu papo não é bom ou se o problema é a minha aparência, só consegui desenvolver no "webnamoro" que eu tive mas ela morava muito longe e sem condições de vir me ver ou eu ir ver ela. Não consigo chegar em alguma menina presencialmente, já tentei mas sempre acaba ficando uma situação muito estranha, inclusive fui em um bloquinho de carnaval lgbt achando que ia conseguir ficar com alguma mas também não consegui nada, me sinto muito deslocada socialmente apesar de ter feito algumas amigas ao longo da vida me sinto estranha, principalmente na questão de relacionamentos e desde muito nova tenho suspeita de ser autista, não sei se isso afeta em algo ou não, mas enfim só queria poder ter algum tipo de relação mais íntima com alguma garota.



File: 1705811084464.png  ( 50.02 KB , 243x255 )   ImgOps /  Google /  Yandex

2ba38   No.5230[Responder]

>seja eu
>faço um amigo homem
>se interesse nesse garoto
>ele percebe que estou doente e tenho muitos "bpdemons" (ele nem sabe das coisas que passam pelo meu cerebro)
>ele tenta algo sexual, mas eu digo a ele que não sou Stacy/depósito e que quero esperar o momento certo
>ele se afasta porque "é melhor sermos apenas amigos"
>ele se torna meu amigo, mas eu ainda tenho sentimentos por ele
>ele encontra alguém melhor, mais bonita e menos complicada
>ele me pede conselhos sobre relacionamento com essa nova garota e eu sendo a idiota que sou, eu ajudo
>acabamos nos afastando e seguindo em frente com nossas vidas
>o ciclo se repete
its over. Vou morrer como uma virgem esquisita,uma incel.
(pelo menos com orgulho de não ser uma depósito)(A USUÁRIA FOI CONVIDADA A SE RETIRAR DA COZINHA.)
Motivo: Lurk moar.
Duração: permanente

ad891   No.5231

Se prestar ao papel de conselheira amorosa de homem (principalmente um que já tentou te comer anteriormente) já é por si só uma atitude de puta.(A USUÁRIA FOI CONVIDADA A SE RETIRAR DA COZINHA.)
Motivo: Dando trela pra fio de macho fora do pinado.
Duração: 2 semanas

f7b99   No.5236

File: 1705859846057.png  ( 9.65 KB , 227x222 )   ImgOps /  Google /  Yandex

>mulher
>mulher se denominando incel
>mulher sendo machista
<cérebro 100% comido por ideologias de nerds fodidos

realmente, você é um caso perdido.(A USUÁRIA FOI CONVIDADA A SE RETIRAR DA COZINHA.)
Motivo: Dando trela pra fio de macho fora do pinado.
Duração: 2 semanas

ece0e   No.5237

Se ele queria te comer, mas você é quem recusou, e isso sempre acontece, então você não é incel. É volcel no máximo. E retarda, se isso sempre acontece, você se arrepende e continua fazendo.
O segredo é aprender com seus erros.(A USUÁRIA FOI CONVIDADA A SE RETIRAR DA COZINHA.)
Motivo: Dando trela pra fio de macho fora do pinado.
Duração: 2 semanas

2f74a   No.5326

Você é adolescente, não é? Vamos lá…
Em primeiro lugar, não existe mulher incel, isso é coisa de suíno, e até eles conseguem sexo, se pagarem. E femcel sempre existiu, mas com outros nomes: mulher forçando a barra pra parecer alternativa e receber validação de suíno.
Você é jovem, e é normal que se apegue a esses estereótipos, mas tome muito cuidado. No mais, fez certo em não dae pra qualquer um, um dia um homem de verdade irá te valorizar por isso, acredite, tem muitos por aí.(A USUÁRIA FOI CONVIDADA A SE RETIRAR DA COZINHA.)
Motivo: Dando trela pra fio de macho fora do pinado.
Duração: 2 semanas



File: 1707752123515.png  ( 91.51 KB , 253x363 )   ImgOps /  Google /  Yandex

6b031   No.5303[Responder]

Estive a 90% de me matar ontem. Só precisava ter aberto as cartelas e tomado tudo, mas não fui mulher o suficiente. Agora vou continuar aqui postergando e dando trabalho para os outros até o dia em que alguma experiência traumática me causar resposta impulsiva o suficiente para conseguir agir mesmo. Boa tarde.
1 mensagem omitidas. Clique em responder para visualizar.

e5f18   No.5311

Espero que fique bem, OPeia.

da2ef   No.5312

Também estive em uma crise forte segunda feira. Se não fosse uma amiga, eu teria partido e me despedido de minha família por mensagem apenas, de tão covarde que sou.

Invista sempre em sua rede de apoio e nunca faça nada sem contar pras pessoas de lá. Se abra e não guarde coisas negativas por muito tempo.

e5f18   No.5313

File: 1707943224181.png  ( 428.44 KB , 1080x676 )   ImgOps /  Google /  Yandex

Vou falar algo com base na minha experiência pessoal. OPeia, você parece ou ter feito algo, ou ter sofrido algo, ou ambos. De qualquer jeito, o perdão é o único caminho. Se você fez mal a alguém, ou essa pessoa já esqueceu (se for algo grande, por trauma, pequeno, por irrelevância) ou teve que, inevitavelmente, te perdoar, para seguir em frente. É sempre assim. Se alguém te fez mal: perdoe, o que não quer dizer que você deva ser conivente. Se você tiver meios de evitar um mal, deve fazê-lo. Recomendo que mantenha um diário.

e5f18   No.5314

No mais, perdoe-se. Você tem o direito de ser feliz.

89ffe   No.5325

Não, anã, não existe tentativa de suicídio, quem quer consegue. Você nunca irá se matar. Pare de fazer drama e lide com esse fato.(A USUÁRIA FOI CONVIDADA A SE RETIRAR DA COZINHA.)
Motivo: Regra 2 do fixado da board. Lurk moar.
Duração: permanente



File: 1706452832586.jpg  ( 58.61 KB , 920x943 )   ImgOps /  Google /  Yandex

e086e   No.5249[Responder]

Anãs eu sou católica, só quero fazer sexo depois do casamento, meu namoro é bom, nos damos bem e brigamos muito raramente, e mesmo quando tem briga a gente se resolve na conversa. Mas ele sempre insiste por sexo oral mesmo sabendo que não quero sexo antes de casar. A culpa é minha porque eu já cedi pela insistência dele outras vezes, mas no dia seguinte eu me sinto um lixo, uma vergonha pra Deus. Meu namorado disse que entende meus valores e não quer me forçar a nada, mas acaba que tempos depois ele volta a insistir. Ele disse que pra ele é um inferno ficar sem sexo, mas sacrifícios todo mundo faz, e acho que com fé as pessoas conseguem qualquer coisa. Mas tá foda a situação. Eu né culpo demais e tendo entender o lado dele, as vezes me sinto obrigada a fazer sexo oral porque sinto que devo isso por tudo que ele faz por mim e por todo dinheiro que ele gasta comigo. É horrível.

af8fc   No.5250

File: 1706454457474.jpg  ( 90.4 KB , 720x858 )   ImgOps /  Google /  Yandex

Sexo oral ainda é sexo. Então você já fez sexo. Se o seu namorado insiste em algo que vai contra os seus valores quer dizer que ele não te respeita e nem é tão um bom namorado quando você pensa.
>Meu namorado disse que entende meus valores e não quer me forçar a nada
<Ele não entende. Ou entende e não te respeita.
<Não quer forçar a nada, mas já te forçou a muitas coisas
>Eu né culpo demais e tendo entender o lado dele
<Ele por acaso se culpa por te fazer mal?
<Ele se esforça pra entender seu lado e respeitar?
A resposta é não.
Reveja seu relacionamento, isso não ta certo. Você não precisa ir contra os seus valores por causa dele, afinal ele não faz o mesmo por você. Por mim cada um ia pra um canto visto que vocês não estão alinhados no mesmo interesse e me parece bem abusiva essa relação…

af8fc   No.5251

>sinto que devo isso por tudo que ele faz por mim e por todo dinheiro que ele gasta comigo
Ele quem a faz pensar que deve isso. Sexo não é e nem deveria ser moeda de troca, principalmente dentro de relações. Isso beira mais a "prostituição" do que companheirismo.
Uma coisa é você fazer algo para agrada-lo de bom coração (seja um jantar, atos de serviço, presentes, etc), outra coisa é você dar sem querer (e ele sabendo que você não quer) só pra manter as coisas funcionando. Seu corpo não é uma moeda.

a89d2   No.5324

anã, tá nítido que ele não respeita você nem sua religião, você devia terminar porque ele não tá disposto a sacrificar ficar sem sexo por você



File: 1706462359225.jpeg  ( 73.26 KB , 554x554 )   ImgOps /  Google /  Yandex

2cf98   No.5255[Responder]

Eu espero que isso não soe pick me girl da minha parte, porque eu realmente quero ajuda ou trocar ideia com anãs que se identifiquem.

A real é que fazer amizade após os 20 é árduo por si só, mas com mulheres, minha nossa.

Eu tenho amigas de infância, mas elas moram longe de mim e nos contatamos esporadicamente; a única que fiz no Ensino Médio conturbado é mãe hoje em dia e parece que faz parte de outro mundo agora, não a vejo há anos e até o humor dela ficou "normie" demais pra tankar.

Faço faculdade e tenho meu grupinho de amigos, além do meu morango; apesar de nos darmos bem, são homens.
Me faz muita falta uma amizade feminina, sou interessada pelas futilidades e pelas coisas do nosso âmago.
Queria alguém pra bater "papo calcinha", falar mal de homem e sair por aí.

Mas sinto um clima de competição ou alguma aura de "você é muito feia/esquisita/desinteressante" quando troco olhares com alguma. E eu sou totalmente contra rivalidade feminina gratuita, não chamo atenção, não sinto que seria uma potencial ameaça a ninguém.

Também passam por isso?
9 mensagens e  4 respostas com imagem omitidas. Clique em responder para visualizar.

a9fb2   No.5297

File: 1707620710574.png  ( 230.59 KB , 303x443 )   ImgOps /  Google /  Yandex

>>5296
Não vou te passar por ser panelagem e por você ser fã da Rena.(A USUÁRIA TOMOU UM PUXÃO DE ORELHA POR ESSA POSTAGEM. )

71014   No.5298

File: 1707621190559.gif  ( 840.32 KB , 225x329 )   ImgOps /  Google /  Yandex

>>5297
Aí não é culpa minha que eu tenho bom gosto, anã!
Se você não gosta dela, então você não gosta de mim, porque eu sou literalmente ela.

05b22   No.5300

File: 1707647373463.gif  ( 28.06 KB , 220x232 )   ImgOps /  Google /  Yandex

>>5298
KEK! Meus pêsames, anã.

71014   No.5301

File: 1707661092453.gif  ( 2.5 MB , 498x278 )   ImgOps /  Google /  Yandex


9868a   No.5320

>>5292
Você quer dizer pra procurar servidores pelo disboard? A idade média do pessoal desses servidores deve ser 12 anos.



[Catálogo]
Deletar Post [Arquivo] Arquivo
Anterior [1] [2] [3] [4] [5] [6] [7] [8] [9] [10]
[ homepage ] [ b ] [ frufru / lit / an / escoria / wired ] [ mod ] [ overboard ] [ regras / faq / banlist / histórico ]